As cinco Forças de Porter: Saiba como se antecipar e se posicionar como líder.

Uma das lições que aprendemos com Charles Darwin é que a adaptação ao ambiente  define qual espécie irá sobreviver e qual espécie irá  ser extinta. A seleção natural fundamentou a teoria da evolução que a passar do tempo e da própria experiência mostrou-se existente no mundo empresarial.

Este foi o caso da Varig que em 2006 decretou falência e o caso mais recente foi o banco Panamericano que mesmo com empréstimo de 2,5 Bilhões do FGC não conseguiu se reerguer . A Varig foi uma das primeiras empresas aéreas do Brasil e tinha 79 anos de fundação quando faliu.  Como uma empresa renomada como a Varig  e o banco Panamerico decretam falência mesmo com seus setores tendo crescimento? Certamente, estas empresas não se adaptaram as mudanças do mercado.

Aprendemos que as empresas precisam se adaptar ao ambiente para sobreviver e que dois seres que se sustentam da mesma maneira não podem coexistir, este é o princípio de Gause que obriga as empresas à busca incessante por inovações e novos mercados.  “  nossos maiores concorrentes são os que mais se parecem com a gente”.

A estratégia possibilita comportamentos e táticas condicionadas que deslocam o equilíbrio competitivo criando uma vantagem que torna a empresa sustentável. Mesmo que o setor esteja saturado de concorrentes o crescimento dessas empresas é possível. As forças de Porter são forças básicas que influenciam nos setores e definem o lucro potencial dos mesmos. 

5 forças de Michael  E. Porter

Ameaças de novos entrantes

Os novos entrantes trazem o desejo de participação no mercado causando agitação no setor . Normalmente, as empresas dominantes tem capacidade produtiva, excesso de caixa que as coloca em vantagem para competir. O que vai determinar agressividade dos novos entrantes é as barreiras à entrada, a saber:
  • Economias de escalas
  • Diferenciação do produto
  • Necessidade de capital
  • Desvantagens de custo
  • Exclusividade em canais de distribuição
  • Políticas do governo
Poder de barganha dos fornecedores

O fornecedores poderosos podem tirar lucros de um setor  ou diminuir a qualidade dos produtos dependendo da sua capacidade de barganha. Por isto, os fornecedores  que tem produtos peculiares ou que não apresentam concorrentes exercem influência nas empresas que dependem do seu fornecimento. A escolha  dos fornecedores deve ser vista como estratégica para que seja escolhida  empresas com menor grau de influência possível.

Produtos ou serviços substitutos

Este é de longe a maior ameaça das empresas, visto que,  produtos substitutos diminuem o crescimento e os lucros do setor. Se os substitutos oferecerem o mesmo valor que o seu produto com um preço menor, certamente os seus clientes irão migrar. Crie, de alguma forma, diferenciação para o que você vende.

Poder de barganha dos compradores

Deve-se ter atenção aos compradores que tenham poder de barganha como varejistas ou compradores comerciais. Os compradores são mais sensíveis ao preço quando o produto não tem diferenciação ou onde a qualidade não é o mais importante.

Competição entre concorrentes

Já sabemos que é possível alterar a evolução da empresa através da estratégia. Este é o momento que a empresa irá planejar os meios para competir no seu setor. Se a empresa investir em Marketing ela irá realçar sua imagem e posicionamento, se for investido em capital para instalações em larga escala ou canais de distribuições ela irá aumentar a barreira para novos entrantes. Este exemplo mostra como as empresas podem utilizar a estratégia para deslocar o equilíbrio competitivo.

As  cinco forças de Porter existem para que o gestor analise os fatores que influenciam no seu setor e possa se antecipar a eles.
   


As cinco Forças de Porter: Saiba como se antecipar e se posicionar como líder. As cinco Forças de Porter: Saiba como se antecipar e se posicionar como líder. Reviewed by Unknown on 07:12 Rating: 5

Nenhum comentário

Nos encontre no G+1